Salada Verde

Campanha de doações para as Brigadas Pantaneiras é lançada pela SOS Pantanal

Após intenso período de queimadas na região em novembro, instituto busca ampliar a rede de brigadas e desenvolvê-la

Júlia Mendes·
5 de dezembro de 2023
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

O Instituto SOS Pantanal lançou uma campanha de doações para a ampliação e desenvolvimento do projeto Brigadas Pantaneiras, que atua no combate ao fogo na região desde o ano de 2020. Até outubro de 2023, as brigadas foram responsáveis pela diminuição em 94,5% de área queimada em suas locações, com redução de 96,2% dos focos de calor. 

Atualmente, são 24 brigadas participantes da rede. Nesta nova fase de atuação, o SOS Pantanal busca consolidar uma rede de 59 brigadas atuantes. As Brigadas Pantaneiras têm como principal objetivo prevenir e responder aos focos de incêndio. Além disso, busca estruturar fazendas e comunidades para desempenhar papéis cruciais em operações coordenadas pelas instituições competentes. A formação de uma rede de brigadas rurais é a chave para a eficácia do trabalho.

Segundo o Instituto, as doações contribuirão diretamente para cobrir custos de logística e operação dos brigadistas, que enfrentam riscos diários para proteger a fauna, flora e o equilíbrio ecológico do Pantanal. As doações serão destinadas para treinamentos essenciais, equipamentos vitais, planos de manejo integrado do fogo, monitoramento remoto e assessoria técnica. 

As dioações podem ser feitas pelo Pix da SOS Pantanal: [email protected]. Mais informações sobre como doar podem ser obtidas no site da instituição

  • Júlia Mendes

    Estudante de jornalismo da UFRJ, apaixonada pela área ambiental e tudo o que a envolve

Leia também

Salada Verde
23 de fevereiro de 2024

Justiça Federal impõe mais de R$ 316 milhões em indenizações por desmatamento ilegal

Infrações ambientais foram identificadas pelo MPF por meio do Amazônia Protege, projeto que utiliza monitoramento por satélite para responsabilizar os atores dos desmatamentos ilegais

Notícias
23 de fevereiro de 2024

MPF no Acre arquiva denúncia da CPI das ONGs contra servidores do ICMBio

Servidores do órgão foram acusados de abusos contra moradores da Reserva Extrativista Chico Mendes, no Acre; para procurador, acusações são “genéricas e sem fato concreto”

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Antas “avisam” pesquisadores sobre contaminação humana por agrotóxicos no MS

Além de agrotóxicos como glifosato, moradores do sudeste do estado também apresentaram altos índices de metais no corpo. Antas atuaram como sentinelas

Mais de betano

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.